Uma das principais armas dos lojistas para se proteger contra os consumidores inadimplentes é a possibilidade de CADASTRAR UM CPF NO SPC – NEGATIVAR.

Isso porque o SPC é uma ferramenta de proteção ao mercado, dando suporte através da proteção ao crédito.

Dessa forma, é possível que os lojistas, empreendedores e empresários busquem o cadastro de um CPF nos bancos de dados no SPC antes de conceder crédito a um ou outro consumidor.

Como funciona o SPC?

Entrando no site do SPC, o lojista deverá realizar um cadastro rápido, com os dados essenciais da empresa, com seu CNPJ, Razão Social e local de atuação. Essas informações precisam estar atualizadas, pois o cliente será informado da negativação e receberá as mesmas. Por isso, é importante que ele saiba quem negativou seu nome, para poder entrar em contato e acertar sua situação.

Uma pequena taxa será cobrada pelo serviço do SPC, e será importante repassar todos os dados do cliente, inclusive seu endereço atual. Para tanto, vale o conselho para que esses dados sejam sempre confirmados e atualizados sempre que os consumidores entrarem em contato com a empresa, pois se algum dia virem a ficar inadimplentes, será importante ter como acioná-los pelo SPC. Faça um pequeno banco de dados interno com nome completo, endereço, telefone, CPF e RG do consumidor, bem como outras informações para agilizar o contato quando o consumidor tiver alguma prestação em atraso.

Depois desse pequeno cadastro tanto da empresa credora quanto do consumidor inadimplente, o próprio SPC vai comunicar o cliente para que entre em contato com a empresa e regularize sua situação, sob pena de restrição do seu acesso a crédito.

Os devedores podem ser tanto pessoas físicas inadimplentes quanto empresas ou pessoas jurídicas de qualquer sorte, que estejam em débito.

Se o consumidor não regularizar a sua situação imediatamente ou ao menos negociar com a empresa para conciliar, terá seu CPF cadastrado na base de dados de consumidores inadimplentes no Brasil.

Mas note que o SPC não é o SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), que estimula a concessão de crédito aos consumidores que tiverem atestados bons hábitos financeiros, por meio do Cadastro Positivo.

Como Limpar o Nome no SPC?

É Possível Limpar o Nome? Com certeza! Limpar o nome é bem mais fácil do que o cidadão comum pensa. Isso porque basta quitar a dívida para que a empresa credora seja obrigada a retirar qualquer negativação no cadastro do cliente.

E ainda que o cidadão não tenha condições de pagar o valor integral de forma a vista, muitos credores já disponibilizam possibilidades de acesso a descontos ou parcelamentos para quitar as dívidas.

Dessa forma, não será necessário manter seu nome negativado até ter a condição de pagamento integral. Basta ter a vontade de conciliar e os recursos mínimos para começar a acertar a sua situação financeira.

E quando o valor for negociado ou pago, o nome já será retirado pela própria empresa credora, sem custos para o consumidor. Da mesma forma, não será necessário esperar cinco anos para que o nome seja limpo e retirado da lista de negativados. Em poucos dias o trâmite se dará e o consumidor estará livre dessa memória.